segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Celular ao volante começa a virar preocupação social

É forte. É assustador. Mas, ao mesmo tempo, é impossível não querer assistir até o fim. A polícia de Gwent (País de Gales), produziu um filme de meia hora sobre os riscos de se utilizar o celular ao volante. De tão forte as imagens são, o que aconteceu é que ele começa a se propagar pelo mundo. Esse é um daqueles produtos que se tornam imediatamente um sucesso e que geram diversos seguidores.

Como motoristas, vale a pena assistirmos. Como marquetólogos, vale pensar como nossas ferramentas podem ser utilizadas em prol do bem estar social.

2 comentários:

Oura disse...

Impressionante, principalmente pelo nível de detalhes e realismo no momento do acidente das meninas. Não sei se a discussão é antiga, mas, em geral, percebo que todos evitam muito usar imagens, ou até textos que possam chocar nesse nível. As seguradoras, por exemplo, raramente falam do sinistro na comunicação. Vi vídeos de acidentes assim quando tive que fazer o curso teórico para tirar a carteira de motorista. O que marca pelo choque é mais eficiente?

Carlos Murilo Moreno disse...

Wilson, Este formato de publicidade, com o máximo do realismo para impressionar o público, é típico do perfil inglês. Não sei se o brasileiro, habitualmente um fã do humor, teria uma reação positiva a uma comunicação tão forte. Murilo

 
Locations of visitors to this page